Fim de 2011. Estamos fechando o quarto ano de vida do LuluzinhaCamp. Este é o blog que mostra que nós, mulheres, estamos na internet, com blogs, twitter, facebook, e temos muitas coisas para partilhar entre nós.
No blog você encontra algumas coisas a respeito do que produzimos. Menos do que deveria ser publicado, sempre.
No grupo de discussão você encontra mais de 500 mulheres conversando sobre tudo o que puder imaginar. Ele é fechado e as novatas são moderadas. Só entra mulher.
No Flickr, temos um grupo para mostrar nossos registros dos encontros – que acontecem mais ou menos de três em três meses, em todo o Brasil.
Temos coordenadoras regionais que organizam encontros nas principais cidades do Brasil (confira a lista aí embaixo).
Somos um movimento indefinido e constante. Mantido com os esforços e suor de cada uma das coordenadoras, que dão sangue para reunir a mulherada (recebendo muito pouco ou quase nada em troca), com a participação de cada uma. Principalmente nas listas de discussão.

Para participar, basta ser mulher e gostar de internet. Você pode conferir como fazer isso na nossa página Como Participar (clica no link).

E, em caso de dúvida, o contato fica aberto 24 horas por dia, 7 dias por semana. Pode usar 😀

versão original

O LuluzinhaCamp nasceu numa reunião em que estavam presentes cinco homens e uma mulher (eu, Lucia Freitas). Parecia loucura, no fim de 2007, imaginar em reunir só blogueiras… Na CampusParty 2008, quando as mulheres eram apenas 22% dos inscritos no evento, eu já dizia: tem muita mulher por aí à solta, que não dá bola, não está na roda.

Deste primeiro momento até o primeiro LuluzinhaCamp, em agosto de 2008, foram muitos meses, conversas e colaborações.O grupo fundador é formado por Lucia Freitas, Nospheratt, Lu Monte, Zel, Denize Barros e Juliana Garcia Sales.

Colocamos nosso site no ar em julho de 2008 para esquentar os tamborins. A organização é colaborativa e, para facilitá-la, surgiu também o nosso grupo de discussão, que atravessa e supera os eventos e tem quase 300 inscritas.

A proposta inicial era fazer um encontro anual, em São Paulo, onde as mulheres que estão na internet (com blogs e outras ferramentas) se reuniriam para trocar experiências ao vivo. No fim do mesmo ano, a comunidade pediu e aconteceram eventos em São Paulo e Brasília.
Em 2009, decidimos promover eventos regulares ao longo do ano, quatro no total. Hoje, há encontros presenciais LuluzinhaCamp nas seguintes cidades:

  • São Paulo
  • Rio de Janeiro
  • Belo Horizonte
  • Brasília
  • Curitiba
  • Juiz de Fora (inativo)
  • Salvador
  • Tubarão/Florianópolis
  • Goiânia

A criação de novos grupos segue regras estabelecidas, coordenadas e orientadas por Lucia Freitas.
Os encontros acontecem em março, junho e dezembro, nas diversas cidades onde as mulheres se organizaram (que chamamos encontros Regionais). Em setembro, acontece a reunião nacional, em S. Paulo, em que convidamos as Luluzinhas de todo o Brasil para um intercâmbio de idéias.

Se você quer participar ou organizar um LuluzinhaCamp em sua cidade, entre em contato.