Pois é, a gente queria falar com as lulus de Sampa, então fizemos outro encontro aqui em Brasília. Desta vez, foi um micro-mini-luluzinhacamp, provando que não importa a quantidade, mas a animação das moças. Srta. Bia, eu, Rebecca e Estela nos rencontramos no mesmo bat-local, o Balaio Café.

Almoçamos por lá, conversamos sobre tudo (mesmo: de deusas e arquétipos a queijo de cabra), acompanhamos as fotos da oficina de pole dancing (e rimos bastante com os comentários no twitter) e, claro, encaramos a torta suflair mais uma vez:

A indefectível torta suflair do Balaio Café

A indefectível torta suflair do Balaio Café.

Ainda vimos o cantor Otto (“Quem?”, foi a minha reação) e a Estela não perdeu a chance e fez uma entrevista rapidinha.

Saímos do Balaio depois das seis da tarde, pensando já no próximo LuluzinhaCamp-Bsb, em 8 de março de 2009, seguindo a boa sacada da Lili Ferrari. É Dia Internacional da Mulher e é um domingo: data perfeita para nosso encontro.

Que venham vários LuluzinhaCamps em 2009, recheados de surpresas, novidades e sorrisos. Daqui de Brasília, torcemos para que lulus do Brasil todo se encontrem e passem momentos bacanas como os que tivemos nestes dois encontros!

Estela, Rebecca, Srta. Bia e Lu Monte

Estela, Rebecca, Srta. Bia e Lu Monte.