Feministas
O cartaz do encontro, feito por Dani Hasse.

Sábado, dia 22 de outubro, tive o prazer de ir ao 1º Encontro das Blogueiras Feministas. O encontro, fechado para quem é da lista de discussão, me acolheu lindamente. Foi um dia intenso, marcado por duas discussões: As mulheres na comunicação e Feminismo é política.

Primeira coisa: orgulho de ver o modelo que a gente construiu no LuluzinhaCamp funcionar para outras coisas. Sim, o encontro foi organizado pelo grupo, cada uma com a sua função, para acolher quem pôde comparecer. A questão é outra, mas a mulherada continua mostrando que, em matéria de organização é nota mil.

Segundo orgulho: saber que um grupo organizado de blogueiras consegue estar presente em muitos lugares, representar as necessidades da mulher e falar das nossas necessidades. Sim, porque são as feministas, ao fim e ao cabo, que lutam pelos nossos direitos – todos eles, da igualdade de salários à legalização do aborto, passando pelo enfrentamento à violência doméstica. Quem torce o nariz ao feminismo como movimento, acaba dando as costas a questões fundamentais para o bem estar da mulher.

Foi um dia intenso, de encontrar quem só conhecia da interwebs (oi, @fabianamontroni!) e reencontrar muitas queridas (né, Francine Emília?). Os painéis foram bacanas, intensos e bastante debate e questionamento.

Pessoalmente, fiquei muito ranzinza depois do encontro – quem segurou o rojão foi a Denise Rangel, que estava hospedada comigo. Afinal, política tem este efeito: mau humor sem fim. E fica a consciência de que a gente tem que falar sempre, participar mais e fazer tudo o que for possível. Haja humanidade para ser mulher.